domingo, 6 de julho de 2014

Ex-prefeito de Nova Cruz diz que deixou o Governo Rosa por orientação de Henrique

O ex-prefeito de Nova Cruz, Flávio Azevedo, exonerado do cargo de diretor geral da Ema ter, nomeado pela governadora Rosalva Ciarlini, foi exonerado do cargo.
A exoneração saiu no Diário Oficial de ontem e Azevedo disse que pediu para sair por orientação do seu líder político, deputado Henrique Alves, que achou por bem que peemedebistas deixassem o governo Rosa.
“Sempre fui fiel e um soldado da governadora Rosalva. Ao lado dos nossos irmãos bacuraus de Nova Cruz, estivemos com ela em 2006 e 2010, respectivamente, para os cargos de senadora e governadora. No entanto, agora o nosso PMDB tem um candidato ao governo, e não seria Flávio Azevedo, que há 23 anos é seguidor do PMDB, por sinal, meu único partido em toda a vida, que ficaria contra essa candidatura. Deixo o Governo de cabeça erguida, certo de que agora irei lutar pela nossa bandeira, a bandeira do nosso PMDB”.
O ex-prefeito já anunciou a chapa que vai votar nas eleições de outubro.
Henrique para o Governo, Wilma para o Senado, Walter Alves para deputado federal e Ezequiel Ferreira para estadual.
*
Por falar em PMDB fora do Governo….
O secretário de Desenvolvimento do Governo Rosa, Sílvio Torquato, é irmão do ex-diretor do DNOCS e braço direito de Henrique, Elias Fernandes, e tio do deputado peemedebista Gustavo Fernandes. fonte, http://www.thaisagalvao.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário